Segunda-feira, 20 de Setembro de 2010

NOVIDADES

Dia 25 de Setembro de 2010

80º Aniversário, Comissão Melhoramentos de Cortes...

Vamos revelar objectivos prestes a concretizarem-se na aldeia de CORTES!

A Presidente da Camara Municipal de Góis vai testemunhar ...

O Adjunto do Governador Civil já confirmou a sua presença...

O Comandante dos Bombeiros de Góis tambem já confirmou a sua presença com um membro da direcção da Associação Humanitária...

Outros vão confirmar...

Faltas tu...

Liga para o 96 580 2981 e confirma a tua presença no almoço do próximo dia 25 na Casa de Cultura e Recreio Claudino Alves de Almeida e participa em primeira mão nas "novidades"...

As comemorações começam com uma missa pelas 11h na capela de Cortes e terminam altas horas da madrugada com o artista RUI ALVES... Vem conviver... Vem Dançar...

 

                                                            João Manuel Reis Antão

 

                                                    

 

 

 

 

publicado por cmcortes às 22:28

link do post | comentar | favorito
|
Sábado, 4 de Setembro de 2010

OS PARDAIS

    De quando em vez, vou às Cortes de Alvares, a aldeia do meu Pai e minha, por herança. Em pequeno, muito pequeno, adorava ficar à conversa noite dentro no pátio dos meus avós, sentados na escada de pedra onde eu ocupava o primeiro degrau de baixo, depois, era a minha avó, e no topo…o meu avô…« o Maduro ».

     O chão do pátio era mato que sabia bem pisar porque os meus pés pequenos se afundavam. Este mato ia até à parede de pedra da casinha da ti Palmira que da janelita falava connosco nesta tertúlia nocturna. Entre cada palavra, existia um silencio doce, como se tivéssemos o tempo todo do mundo… e tínhamos! No céu, as estrelas brilhavam e espiavam-nos de tal modo que iluminavam o nosso quintal, foram as imagens a preto e branco mais coloridas da minha vida.

     Depois, ia-mos para a cama, apagávamos os candeeiros da casa que libertavam um fumo branco esvoaçante, a lembrar-nos que estava na hora.

     Era um encanto ouvir o último chichi no penico de esmalte  dos meus avós.

     Éramos felizes com quase nada, sem luz, sem água, apenas…o céu estrelado, a sombra fresca das latadas, os pardais  que saltitavam de arvore em arvore, beber a água fresca da fonte dos namorados e passear pelo pinhal para respirar com força a resina contida nos pequenos vasinhos dos pinheiros.

     Tudo corria bem, menos um tal gato amarelo que furtivamente comia os ovos das galinhas nuns assaltos inesperados à capoeira. A minha Avó praguejava « maldito gato…» e eu confesso, tornou-se um mito porque nunca o vi! Quando a minha avó fazia ovos para o almoço, eu sabia que eram os restos que o gato não quis.

     Era fantástico o cheiro a gasóleo queimado que a «carreira» vermelha emanava depois de desligar os motores. O pó branco na chapa, era a marca do percurso poeirento e sinuoso no verão, lamacento e esburacado no inverno até chegar ao nosso «paraíso».

     Em cima, vinham as malas e todo o tipo de bagagem, tanta, que vinha torta mesmo com o nó das cordas. Era ali, no Manel da venda  que se abraçavam os chegados e se liam as cartas vindas de Lisboa.

     O tempo perfuma a lembrança, tudo tem um encanto, mesmo aquilo que desprezámos ou criticámos, paira na nossa memória como algodão doce.

     Um amigo do meu Pai contou-me com olhar húmido que o vira pelas ruas das Cortes, passo lento a olhar os telhados, quando se fitaram frente a frente, abraçaram-se e lágrimas rolaram pelo rosto do « Silva », quando confessava ao ouvido do amigo, que já não voltaria mais às ruas que o viram nascer e …não voltou!

     Despediu-se dos becos, das latadas, dos pardais, até mesmo das janelinhas fechadas porque os donos já tinham partido.

     Como eu acredito que cá ficarão sempre entre nós, despeço-me com um segredo – Querido Avô, quero dizer-lhe que os pardais continuam alegres tal como nos nossos passeios pelo pinhal em que a sua mão forte adornava a minha, - Querida Avó, a Capela onde ia com fé aos domingos à missa, encheu para generosamente me bater palmas, e …- Querido Pai, continuarei a passear-me pelas ruas e becos das Cortes, olharei os beirais dos telhados para que o seu « até logo » não tenha sido em vão, já agora, pode não ser a terra mais bonita de Portugal ,mas…é a que tem o céu mais azul.

 

 Silvestre Fonseca

publicado por cmcortes às 00:29

link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Quinta-feira, 2 de Setembro de 2010

80º Aniversário

Já aqui escrevemos, mas nunca é demais lembrar...

A Comissão de Melhoramentos vai dignificar o seu passado e a memória dos que o construíram, bem como homenagear os ex-presidentes da direcção que se encontram vivos... A actual direcção decidiu assim enaltecer o trabalho de todos os Presidentes que deram o seu melhor em prol da Comissão de Melhoramentos de Cortes e nada melhor do que aqueles que se encontram entre nós, para na primeira pessoa representarem toda uma "obra"...

Para a actual direcção significa  a sequência do trabalho dos que iniciaram uma caminhada, que tem vindo a ser actualizada ao passar dos anos...

Com este passo pretendemos pr'alem do respeito, vincar a evolução das pretensões de uma população empreendedora e exigente, sempre atenta à evolução dos tempos... 

A actual direcção está a trabalhar em dois grandes projectos que pensa trazer a público dentro em breve e que serão o corolário de um trabalho longo e profícuo que tem vindo a realizar ao nível da renovação de espaços e melhoramento de acessibilidades.

Se uma das obras se prende com os acessos de meios de grande porte, como auto-tanques para ataque a incêndios, no acesso ao lado sul da aldeia, a outra obra tem a ver com o lado lúdico, recreativo, comercial e cultural...

Esperamos que dentro de pouco tempo tudo esteja pronto para ser anunciado com segurança... Talvez, mesmo até ao próximo dia 25 de Setembro de 2010... É verdade! Falta muito pouco...

 

                                                                                                                                                                     João m reis Antão

publicado por cmcortes às 01:11

link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Assembleia Geral e Homena...

. inauguração da eletricida...

. 81º aniversário e resulta...

. Foz de Mega - mato

. MANUEL AMARO

. CONVOCATORIA

. BELMIM MATEUS FOLGOSA

. SELADA

. CORTES DE ALVARES - r...

. ADIBER

.arquivos

. Outubro 2012

. Dezembro 2011

. Setembro 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

blogs SAPO

.subscrever feeds